sábado, 26 de setembro de 2009

Eu estou escutando uma cigarra.

Tenho a impressão de que, no Horto, as pessoas são mais felizes. Ou têm a obrigação contratual de serem mais felizes, porque é o bairro mais bonito do Rio. É sacanagem ficar infeliz aqui, com essa mata, com esse jardim.

Mas isso é só até o final da Pacheco Leão. Depois, já pode ser triste puto cheio de angústia de novo.

Estou escutando outra cigarra.

2 comentários:

Ju disse...

ah é? quero conhecer este lugar onde todo mundo é feliz.

The Moonlight disse...

poxa.. que saudades de você escrevendo... por onde andou?